Em qual das situações abaixo você se encontra? Você já se posicionou bem dentro da organização, sendo que se esforçou para chegar lá mas sente que está na praia errada? Você está começando a carreira ou já andou um pouco mas tem a  o sentimento de que a escada que você está subindo está encostada na parede errada? Você, independente da sua idade, já tentou várias coisas na vida, mas não conseguiu encontrar ainda o que te dá paixão? Se você se viu em algum cenário, este artigo é para você.

A pedra filosofal para você sentir realização e senso de propósito se chama auto-conhecimento. Para sabermos o que queremos fazer de nossas vidas precisamos nos conhecer muito bem. O roteiro abaixo é uma resumo do que você pode fazer para começar a encontrar o seu caminho.

[1] Descubra os seus valores. Faça uma radiografia pessoal e lave a sua roupa suja com você mesmo. Pergunte-se o que você valoriza na sua vida, porque faz as coisas ou porque deixa de fazê-las. Os seus valores são o código fonte do seu software pessoal de tocar a sua vida. Você precisa sabê-los e, mais do que isso, saber  a hierarquia deles. Quando você sabe os seus valores, você tem um GPS que te informa sobre a correção da sua rota.

[2] Encontre a sua visão. Como você quer que a sua vida seja no futuro? Como você quer viver? Com que tipo de pessoas você quer conviver? Quais as coisas que você quer que existam na sua vida? Você não precisa saber exatamente qual montanha quer subir, mas precisa se questionar para saber pelo menos o tipo de montanha. É mais ou menos inclinada, tem neve, é árida, tem muito vento? Como é a temperatura? A sua visão dá uma idéia de norte de para onde você vai.

[3] Paixões. Aqui você deve escrever no mínimo 10 coisas que você adora fazer na vida. Vale tudo, desde escutar música e ler até falar com amigos ou falar só de carros. As paixões de tão uma pista das atividades que mais têm a ver com você. Aqui você também pode escrever os teus talentos. O que você acha que são os seus dons? Escreva tudo e depois coloque numa hierarquia.

Assine a Nossa Lista VIP Para Receber Conteúdo Exclusivo e Receba o Ebook “Metas: Como Transformar Sonhos em Realidade”

privacy Respeitamos a sua privacidade e não toleramos SPAM! Seus dados estarão em total segurança!

[4] Opções. Imagine os caminhos que você gostaria de seguir na sua vida e compare-os com suas paixões. Se você não tiver caminhos, imagine que alternativas profissionais podem existir a partir de suas paixões. Seja criativo, investigativo e curioso. Não vale ter preguiça. Escreva as principais opções que você imaginou ou as que tenham mais a ver com suas paixões, ou uma mescla das duas listas.

[5] Monte um quadro de análise. Neste quadro, coloque cada uma das opções e analise e cruze com as seguintes perguntas. Esta opção me faz viver meus valores? Esta opção desrespeita algum valor meu? Quais as minhas perdas com esta opção? Quais os meus ganhos? Quais oportunidades? Quais ameaças? Esta opção me leva para a minha visão, para o tipo de vida que eu quero ter?

Esta última parte é a trabalhosa, mas vale a pena. É uma conversa que você deve ter com você mesmo. É um exercício de auto-conhecimento. Além disso, o fato de você “pensar” no papel faz uma diferença brutal. A clareza aumenta, a insegurança diminui e a coragem cresce.

Ao final deste exercício, a probabilidade de você ter uma idéia mais clara do que você quer para a sua carreira é enorme.

Muito bem, qual aprendizado ficou para você? O que você pode fazer com estas informações? Qual será a sua primeira atitude? Faça alguma coisa diferente. Apenas assim você experimentará resultados melhores na sua vida. Invista no seu auto-conhecimento e na sua felicidade. Siga as dicas acima para você sentir mais norte na sua vida e aumentar o seu senso de realização e propósito.

Boa sorte e mais sucesso para você.


Fred Graef
Fred Graef

Palestrante, Coach e Consultor. Especialista em Vendas, Liderança e Alta Performance.